Prefeito de Campinas suspende o assassinato das capivaras do Lago do Café


Apelos de defensores de animais convenceram o prefeito a suspender o assassinato das capivaras. Foto: Gustavo Magnusson/AAN

O prefeito de Campinas, Helio de Oliveira Santos, através do twitter, suspendeu a realização do assassinato das cerca de 20 capivaras que estão confinadas no Lago do Café. ‘Falei com Secretário da Saúde e determinei a suspensão de ato radical até que o assunto esteja esgotado. Há anos confinadas! Documentar oficialmente a ação’, escreveu na rede social.

O prefeito postou no twitter o seguinte: ‘Decretar morte de Capivara é forma simplista de enfrentar problema da febre maculosa. Desafio para academia é como exterminar carrapato contaminado’. A decisão, que ainda não foi documentada oficialmente, responde ao clamor de entidades protetoras de animais que protestam contra as mortes.

O secretário de Saúde de Campinas, José Francisco Kerr Saraiva confirmou que nos próximos dois dias pretende se reunir com o Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Superintendência de Controles de Endemia (Sucen), técnicos e pesquisadores para mais uma vez estudar alternativas. ‘Vamos buscar técnicas com eficácia comprovada, que não provoque danos ao meio ambiente nem coloque em risco a saúde dos seres humanos. Encontrando essa técnica ou alternativa, vamos discutir com o Ibama a suspensão do abate’, afirmou. Segundo o secretário, nesse momento ainda prevalece a decisão do Ibama, que autoriza o abate. A eutanásia tinha sido confirmada nesta sexta-feira (11/02) por ele e estava prevista para acontecer ainda este mâs.

O presidente do Conselho de Defesa dos Animais Flávio Lamas disse que se o posicionamento do prefeito estiver confirmado, irá cancelar o envio de uma liminar à Justiça Federal para tentar impedir o assassinato das capivaras. Segundo ele, o ato de protesto contra a eutanásia marcado para às 9h deste domigo (13/02) em frente ao Lago do Café, está mantido. Agora o ato será de conscientização sobre a importância de preservar a vida dos animais.

Com informações de RAC


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ESTUDO

FINAL FELIZ

MIGRAÇÃO

EXPLORAÇÃO

APELO

LUTO

FLORIANÓPOLIS (SC)

SÃO PAULO

INOVAÇÃO

AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>