Pit bull esfaqueada teve filhotes que sofrem convulsão e precisam de ajuda


Giselle Pastorello
gi_sarbouck@yahoo.com.br

Em 08 de novembro resgatei a pit bull Kate, que havia sido esfaqueada, ficou internada no hospital Dr. Hato, e depois de alguns dias sua barriga estava crescendo além do aceitável: estava grávida, mas, como estava desnutrida não vimos, a gestação avançada nem parecia estar lá, exceto perto do nascimento.

Houve complicações no parto (ela tinha um tumor e os bebês não saíam). Fez cesariana e nasceram 6 lindos bebês em 10/12/2010. Saíram no final de dez do Dr. Hato (11 – 4336-7185) e foram para a clínica do Dr. Nivaldo em SBC (11 – 4122-5675), onde ficaram até o dia 13.01 e seguiram para o lar temporário na casa de uma amiga minha na Lapa.

No dia seguinte ela me falou que a menorzinha estava estranha pela noite. Enfim, não deu tempo de socorrê-la e ela faleceu logo pela madrugada. Estava estranha (quietinha). Foi a primeira perda. Ela já tinha má formação (talvez pela gestação conturbada e pelos 15 dias de benzetacil que a mãe tomou antes de sabermos que estava prenhe), pois tratávamos dos ferimentos e da pele.

Voltando aos irmãos: logo entramos com polivitamínicos, vermífugo, forte alimentação. Mas a Vitória (pretinha com mancha branca na testa) começou a querer se isolar. Corri para a Lapa e a levei para o Dr. Roberto Hato (Rebouças – 11-2337-6962). Ela ficou internada uma semana, mas não reagiu. Os exames deram positivo para cinomose, passou a convulsionar sem parar, e durante uma das convulsões a colocamos para dormir, antes que morresse gritando de dor. A conta ficou em R$ 420,00. Passei um cheque ainda sem saldo. Se alguém puder ajudar a cobri-lo, agradeço mesmo.

Para os outros, entramos com medicação. Minha amiga chamou uma veterinária para ir ver os bebês e estavam bem, fortes! Nada errado com eles, mas, claro, mantivemos a medicação e polivitamínicos.

Mas ainda estavam por vir mais surpresas. No dia 22/01 estava na feira de adoção e a minha amiga me ligou dizendo que a Clara (filhote branca) estava convulsionando. Pedi para me encontrar e ela foi até o Dr. Roberto Hato com a pequena já quase sem conseguir respirar… uma tristeza só. Não foi possível salvá-la, dormiu no mesmo dia.

A última péssima surpresa em 24.01 foi a Donna (a mais forte dos 6 filhotes e a maior), que começou a convulsionar e um táxi (que uma amiga querida pagou) foi buscar na Lapa e levar para o hospital Dr. Hato (isso entre 23h30 e 0h). As convulsões estavam feias, mas conseguimos controlar (exame mais uma vez positivo para cinomose) na madrugada. Fui visitar na terça e ela estava com uma convulsão atrás da outra. Não conseguia parar de latir, perdeu por completo o controle de si. Nós a colocamos para dormir. Ela não tinha mais forças pra latir, diazepam e gardenal não seguravam mais as convulsões. Os gritos dela são inesquecíveis. Perdi mais uma….e fiquei com uma conta de R$ 82,00 mais um cheque sem fundo nenhum.

A mãe está em tratamento, certamente doente como seus filhotes, que hoje são apenas 2 apenas, a Bella e o Perseu.

Perseu convulsionou 6 vezes no dia 06/02/11. Consegui um táxi que cobrará 100 pra pegá-lo na Lapa e levar para o hospital.. Pelo amor de Deus, vou dar um cheque, quem me ajuda? Não tem fundos, mas vou deixar o Perseu morrer sem socorro? Me ajudem por favor.

Ajudem-me a cuidar dos que ainda restam desta família. Já tenho medicação deles pendurada no pet shop, os gastos com Kate…

A situação só não está pior pelo fato de os bebês estarem na casa da Denise (minha amiga) que tem sido a melhor enfermeira e mãe que os bebês poderiam ter, ou certamente já teria perdido todo mundo. Obrigada por todo carinho e dedicação aos bebês. Ninguém faz isso hj em dia, muito menos sem cobrar um centavo pelo trabalho.

Para ajudar:

Bradesco
Ag 0475
C/C 6200-2
Giselle Sarbouck Pastorello

(11) 7856-4368


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PRESERVAÇÃO

PROGRESSO

GANÂNCIA

DESTRUIÇÃO AMBIENTAL

COREIA DO SUL

VEGANISMO

PRESSÃO PÚBLICA

RESILIÊNCIA

RECOMEÇO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>