Cachorra demonstra fidelidade e companheirismo ao não abandonar o tutor preso pela polícia


Cachorra Chiquita não abandona seu tutor nem na hora da prisão. (Foto: Quioshi Goto)

Na tarde de ontem, uma prisão realizada pela Polícia Civil, por meio da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), terminou em uma cena comovente. Ao ver o seu tutor na viatura policial, a cachorrinha Chiquita saltou para dentro do veículo com ele e se recusava a sair. Por certo, ela não sabia que o seu tutor estava em posse de um veículo furtado na noite anterior e com placas de outros dois veículos, também produtos de furto.

Cristian Charlois Nogueira, 21 anos, foi preso em flagrante em sua residência, localizada na quadra 1 da rua Santo Garcia, no bairro Pousada 1, na cidade de Bauru (SP). Com ele, foi localizado um automóvel Gol, placas CWC 4220, de Bauru, furtado na madrugada anterior no Vânia Maria.

Além do automóvel, foram encontrados também mais dois pares de placas com numerações CEG 3438, de Bauru, e DEW 0102, de Iacanga. Após pesquisar no sistema, os policiais descobriram que pertencem a um Fusca, furtado em 29 de janeiro desse ano, no parque Vista Alegre, e a um Gol, subtraído dois dias depois, em Arealva. Cinco estepes também foram apreendidos na residência.

O jovem alegou não saber da procedência criminosa do veículo e que estava apenas guardando para duas outras pessoas.

Foi então que, quando ia ser conduzido à delegacia, a pequena vira-lata Chiquita entrou em cena. A cachorra pulou na viatura duas vezes para acompanhar seu tutor. A ordem emitida pelos policiais para que saísse foi totalmente ignorada e, quando era retirada, ela logo adentrava novamente no automóvel.

Com um olhar bastante amedrontado e confuso, Chiquita precisou ser enganada para deixar o tutor ir sozinho. Os policiais pediram que Cristian Nogueira saísse do automóvel. Com isso, a cachorra prontamente o acompanhou. Rapidamente, ele foi reconduzido à viatura e trancado. Dessa vez, Chiquita ficou do lado de fora e somente pôde ver seu tutor ser levado pela polícia.

Segundo o delegado Cledson do Nascimento, as investigações começaram há 15 dias e fazem parte de uma operação para combater um grupo especializado em furto e roubo de veículos na cidade. Ele aponta que tal grupo estava inclusive abastecendo o comércio de peças automotivas de Bauru. Cristian Nogueira, que não possuía antecedentes criminais, foi autuado por receptação de veículos.

Fonte: JCnet


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR CANINO

FAKE NEWS

GANÂNCIA

SEQUESTRO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>