Colégio de Veterinários de Valencia extingue premiação de touro


Por Danielle Bohnen (da Redação)

Em assembleia celebrada no último dia 26, por 25 votos a favor frente a 11 contra, o Colégio de Veterinários de Valência, na Espanha, derrubou a premiação “Toro de Oro” na feira promovida todos os anos pela instituição.

É tradição em alguns colégios veterinários provinciais na Espanha, a premiação anual ao melhor touro da cidade. O animal deve demonstrar ser o mais elegante, ser nobre, de casta e raça. Em Valência, a entrega do prêmio “Toro de Oro” coincide com a celebração de São Francisco de Assis, padroeiro dos veterinários.

Depois da queixa apresentada no ano passado por parte de um grupo de colegiados e com a divulgação na imprensa, com declação de uma das sócias da Associação de Veterinários Abolicionistas da Tauromaquia (AVAT), a junta diretiva do Colegio de Veterinários de Valencia decidiu fazer um apesquisa entre seus associados, que decidiram pelo encerramento do prêmio.



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

TECNOLOGIA

DESUMANIDADE

ACOLHIMENTO

EFICIÊNCIA

VIDAS PERDIDAS

DEDICAÇÃO

SOFRIMENTO EMOCIONAL

DOÇURA

AÇÃO HUMANA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>