Blogueiro admite conteúdo de mau gosto contra gatos e faz retratação pública


(da Redação)

Conteúdo foi censurado por conter incitação à violência (Imagem: Reprodução/Nerd do Gueto)

O autor do blog “Nerd do Gueto”, responsável pela publicação de conteúdo explicitamente violento contra gatos, fez nesta segunda-feira (31) uma retratação pública, admitindo o mau gosto das afirmações postadas em seu site.

Pressionado por milhares de defensores dos animais e leitores da ANDA indignados com o grau de violência das publicações, o blogueiro, que atende pelo codinome Marlandyson da Silva, teve o site suspenso pela Locaweb (provedor responsável pela hospedagem do site). Em uma de suas publicações, o autor exibe a imagem de uma marreta, sugerindo aos leitores como matar um gato.

Após ter o site desativado pela Locaweb, o autor colocou o blog novamente no ar, hospedando-o em um outro local — mas desta vez, sem o conteúdo em que expressava com orgulho e veemência todo seu ódio e desprezo pelos gatos.

Em seu site, ele agora pede desculpas ao público e informa que não publicará mais conteúdos semelhantes:  “peço desculpas as (sic) todas as pessoas que visitaram nossos posts sobre gatos e acharam que os mesmos incentivassem (sic) a violência contra animais. Informo também que os posts em questão já foram removidos do blog e não serão mais publicados posts com conteúdo semelhante”, garante o rapaz.

Nota da Redação: Em resposta a alguns comentários – A redação da ANDA é 95% vegana e 5% vegetariana. Mas, apenas para esclarecimento: não é preciso ser negro para combater o racismo, não é preciso ser homossexual para defender os direitos de quem tem essa orientação, não é preciso ser mulher para defendê-las. Mas é preciso ser racista para defender os racistas, é preciso ser violento para defender os violentos. O blog promoveu a discriminação, o preconceito e a violência, quer queiram entender ou não.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CALIFÓRNIA

ANGÚSTIA

COMPANHIA

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>