Dicas para festas de Natal com compaixão


Se você é novo no veganismo ou no ativismo pelos animais, pode se perguntar: “O que vou fazer nas próximas festas do Natal ou jantares de família?” Você pode passar pelo dilema do que fazer em relação aos presentes que prejudicam o meio ambiente  e os animais. Os feriados às vezes causam estresse, mas, se você é vegano, ou um ativista pelos direitos dos animais, ou ambientalista, pode ser que seu veganismo também cause estresse à família, amigos, ou colegas de trabalho. E não tem que ser assim!

Em vez de esconder-se  em uma caverna ou desaparecer da família durante as festividades do Natal, ou pior, ofender as pessoas que preparam os alimentos que contêm os produtos de origem animal ou que deram um presente que prejudicou algum animal ou o meio ambiente, você pode usar esta época para informar seus amigos sobre a maneira como festejar com compaixão e, ao mesmo tempo, evitar situações problemáticas.

A seguir, uma lista com algumas ideias e dicas para os feriados:

– Mande um cartão de Natal antecipado. Esta é uma boa maneira, se você é novo no veganismo ou ativismo pelos direitos dos animais, de informar sua família e seus amigos de que você está mudando seu estilo de vida. Pode ser que eles achem que você seja a mesma pessoa, e não saibam da mudança na sua vida, que agora não prejudica os animais e exclui o consumo dos animais e derivados.  Muitos cartões têm mensagens da “paz na Terra e a benevolência para homens” (este é um bom lugar para colocar uma frase sobre a benevolência para animais e a Terra).

 – Para presentes que você oferece:

1. Informe as pessoas com antecedência de que você não vai participar de uma troca de presentes.

2. Se você mandar cartões do Natal, inclua uma mensagem no cartão dizendo que neste ano, em lugar de dar presentes, você fará uma doação a uma ONG para ajudar uma causa em que você acredita.

3. Cozinhe ou compre os alimentos que são veganos, ponha-os em uma embalagem decorada e reciclada e inclua a receita vegana.

4. Faça uma troca de presentes com amigos ou família usando coisas que você tem e já não usa (uma troca do presente reciclados). (Anuncie antes que a festa vai ter este tema e esclareça o motivo).

5. Elabore um “vale” para um serviço ou uma atividade a ser feita na companhia do presenteado. Você também você pode fazer um “vale-jantar” em um restaurante vegetariano.

6. Faça seu presente à mão em vez de comprar.

7. Compre produtos veganos dos sites de internet, das ONGs, ou das entidades que defendam os direitos dos animais. Dessa maneira, você estará apoiando as organizações ou as entidade que fazem o trabalho em que você acredita.

– Para receber presentes:

1. Se seus familiares compram presentes, converse com eles sobre a maneira como você sente em relação às indústrias que prejudicam os animais. Por exemplo, lhes informe que você realmente prefere ganhar algo coisa que não é feito com couro, lã etc. Você pode elaborar uma lista de produtos ou de ingredientes que gostaria de evitar.

2. Diga que você preferiria que fizessem doações a uma ONG ou a um santuário animal em vez de receber um presente comprado. Se alguém está planejando gastar o dinheiro em um presente, pergunte-lhe se seria possível  investir a mesma quantidade de dinheiro em uma doação a uma ONG ou santuário. Pode-se fornecer um folheto ou o endereço do site para que eles possam saber mais sobre o bem que este presente financeiro vai proporcionar.

3. Então, no momento de receber um presente desagradável: primeiro, agradeça à pessoa que deu o presente por pensar em você. Se a pessoa não sabe que você agora é vegano, pode se sentir ofendida se você rejeitar o presente ou for rude. Entretanto, se você se mostrar agradecido pelo menos pela lembrança, pode ser que a pessoa seja mais receptiva em relação à sua decisão de devolvê-lo. Para alguns parentes, pode ser melhor aceitá-lo, mas nunca usá-lo (isto é verdade especialmente no caso de parentes mais idosos ou aqueles com mente fechada). Por exemplo, eu tive um amigo que viajou ao Peru e comprou um presente para mim. O problema foi que ele comprou um tapete feito de pele de lhama. No início, eu fiquei muito chateada, porque eu não queria nada com pele. Meu amigo não sabia que eu tinha decidido ser vegana quando comprou o presente. Eu não podia devolvê-lo à loja. Assim, eu lhe agradeci e usei-o, então, como cama para um gato durante o verão. O gato gostou dormir no tapete de pele nas noites frias. Eu não queria ter a pele na minha casa, mas não quis descartá-la (que também seria uma opção) enquanto o gato estava fora no frio.

Lembre-se do significado desta época do Natal. Tem muito a ver com dar e receber. Às vezes, o melhor presente de tudo é ajudar uma pessoa. Se durante este feriado você se sente frustrado ou estressado, faça uma atividade para interagir com a natureza – doe seu tempo ajudando os animais abandonados (em um abrigo), plante árvores ou vegetais em um jardim, ou reserve tempo para meditar.

Sobretudo, use este tempo para melhorar a comunicação com sua familia, seus colegas e amigos. Sempre foque no que é realmente importante, mantenha seu coração e mente abertos, seja positivo, para realmente ser tranquilo e cheio de amor. Lembre-se de que nem todos estão onde você está (ainda) neste caminho à iluminação. Perdoe aos outros e esteja cheio de paz, mas sobretudo: divirta-se muito durante esta época para o bem dos animais e do planeta!


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

DEBILITADO

DECISÃO JUDICIAL

INSPIRAÇÃO

DENÚNCIA

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

RETROCESSO

RESPONSABILIDADE

SOLIDARIEDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>