Programa de adoção salva perus da mesa de jantar no Dia de Ação de Graças


Por Giovanna Chinellato (da Redação)

Foto: Reprodução/USA Today

Nos últimos cinco anos, Marissa Fidelman adota um peru em todo dia de ação de graças. Mas ela não tem interesse nenhum em assassiná-lo para comer. A vegetariana de 24 anos tem o objetivo de salvá-los de seu destino cruel.

Logo, a cada ano ela adota um peru da Farm Sanctuary, uma organização que resgata animais abusados e trabalha para expor e acabar com as crueldades das  fazendas de produção (leia mais sobre as atrocidades praticadas contra esses animais aqui).

Segundo informações do jornal USA Today, os animais são levados a um abrigo em Watkins Glen, NY, e Orlando, Califórnia, nos EUA. Perto do feriado de ação de graças, o santuário permite que as pessoas apadrinhem um peru por U$30 ou um rebanho inteiro por U$180.

De acordo com o website da Farm Sanctuary, a organização já salvou mais de mil perus nos últimos 24 anos. “O projeto oferece ideias e soluções para as pessoas que desejam celebrar um ação de graças com compaixão e começar a tradição de salvar um peru em vez de matar um”, o website diz.

Esse ano, a mãe de Diane Filderman decidiu adotar um rebanho todo em nome da filha.

Todo ano, o santuário faz um jantar vegano, onde os perus não são o jantar, são convidados. “Eles comem torta de abóbora, salada e cranberries”, disse Marissa Filderman. “Eles comem e se divertem na festa.”

Para Filderman e sua mãe, conscientizar as pessoas sobre o que acontece no santuário é extremamente importante. “Quando o santuário resgata os animais, eles  ficam radiantes, eles tem muita personalidade”, disse Diane.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSERVAÇÃO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>