Cadela que teve uma perna amputada aguarda adoção, no RJ


Ana Cristina Linhares
amigosdefrancisco.2004@gmail.com

Foto: Arquivo pessoal

Essa cadela de foi encontrada há um mês na Aldeia de Arcozelo (Paty do Alferes /RJ) muito machucada. Uma pessoa viu a situação e resolveu nos procurar e pedir ajuda no domingo passado. Ela deve ter sido atropelada, sua perna calcificou para trás, infeccionou, deu bicheira e ela mesma tentou arrancar a perna.

Foto: Arquivo pessoal

A situação era muito séria.Ela foi consultada pelo nosso veterinário que a preparou com antibióticos e realizou a cirurgia de amputação da perna. Ela nem nome tinha, seus supostos tutores disseram que a cadela era filha da cadela deles,mas não pertencia à familia”. Como ela estava comendo e andando, não acharam necessário fazer nada por ela.

Foto:Arquivo pessoal

Nós então estamos arcando com os custos, mas não isentando essas pessoas de alguma participação. Com o auxilio das vizinhas que nos pediram socorro,  Branquinha (como foi batizada pelo veterinário) vai receber os cuidados  lá mesmo em seu local de costume,pois não estamos podendo receber animais em nossas instalações. Ela está internada  na clínica e, após sua recuperação, seguirá para “casa” onde  as vizinhas ( pessoas muito solicitas), auxiliarão no tratamento. Como fazem parte de uma comunidade simples,  estamos arcando com as despesas.

Por isso, hoje, iniciamos uma campanha pela cadela, não apenas pelas despesas, mas pedindo encarecidamente que alguém a adote  e a retire de perto de pessoas tão insensíveis. Mesmo sendo adotada, a ONG arcará com os custos do tratamento e posterior castração e vacinação. Nós, infelizmente não podemos abrigá-la, por não termos mais espaço físico e por termos encerrado o recolhimento de animais, optando por realizar o trabalho de auxílio nesses moldes.

Estamos vivendo uma onda de cinomose inédita no município, auxiliando as pessoas de baixa renda com seus animais e, mantendo na medida do possível, o ritmo de castrações. Com isso, nossas despesas não cessam dia nenhum.
A Branquinha vai receber toda ajuda possível e esperamos que ela consiga sair dessa e que seja feliz.

Quem  quiser conhecer nosso trabalho ,é só acessar nosso site. Estamos também  à disposição para maiores detalhes pelo celular (24) 8805-6104.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA

PUNIÇÃO

MAUS-TRATOS

SEGUNDA CHANCE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>