Parlamentar cobra medidas em relação à permanência de animais em imóveis da CDHU


(da Redação)

A prefeitura de Cubatão está sendo cobrada a tomar medidas  em relação aos cães e gatos abandonados na Serra do Mar por moradores removidos dos bairros Cota para conjuntos da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU).

Recentemente, foi autorizada pela Secretaria de Habitação do Estado de São Paulo  a permanência de cães e gatos nas moradias construídas em Cubatão pelo governo do Estado, além de se comprometer na construção de um abrigo para os animais abandonados, após a prefeitura ceder um local apropriado. No entanto, representantes da proteção animal daquela cidade da Baixada Santista alegaram que não conseguem entrar em contato com a prefeita, Márcia Rosa de Mendonça e Silva (PT), e os animais que permanecem nas áreas desocupadas continuam sofrendo, expostos a condições deploráveis, conforme noticiado na ANDA.

“O governo estadual tomou a frente, fazendo sua parte, mas a prefeitura precisa continuar na parceria. Não tem cabimento vermos as portas do governo local fechadas para a proteção animal. Os bairros Cota ficam na cidade de Cubatão e, portanto, os animais que residem com as famílias devem ser amparados, não podem ficar para trás como material de descarte. São vidas, têm sentimentos, sofrem, temos que contar com a sensibilidade da prefeita. Ela não vem atendendo nem a proteção animal nem a mim, por isso estou pedindo oficialmente uma audiência”, explica o deputado federal Ricardo Tripoli (PSDB-SP).

bairros Cota

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PROTEÇÃO ANIMAL

CRUELDADE

GRATIDÃO

ESPECIAL

ALEGRIA

VÍTIMAS DA CAÇA

MAUS-TRATOS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>