Cheias sem precedente mataram milhares de bois e vacas no Níger


(da Redação)

Enfraquecidos pela seca, milhares de animais morreram no norte do Níger, na sequência das fortes chuvas verificadas em julho e agosto. Estas são as maiores enchentes do rio Níger, terceiro maior rio de África, desde 1929.

Mais de 100 mil bois, vacas e bezerros morreram depois das chuvas fortes, segundo números oficiais. A maioria dos animais morreu nos riachos e águas superficiais.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR

EMPATIA

AMOR

CRUELDADE

CHINA

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO

COMPAIXÃO

VIOLÊNCIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>