Agricultores suíços tratam vacas como máquinas e as oferecem em aluguel


Por Robson Fernando  (da Redação)

Agricultores suíços encontraram uma nova forma de ganhar dinheiro às custas da exploração e mercantilização de animais: passaram a alugar vacas para produção de leite.

Algumas empresas na Suíça estão oferecendo a oportunidade a pessoas da cidade que buscam descanso no campo a alugar os animais para produção de leite. Os interessados ficam com os animais durante o verão europeu (junho a setembro) ou durante um mês, participando das atividades agrícolas dessas empresas – ficam obrigados a ordenhá-las e fabricar queijo com o leite extraído, além de levá-las ao pasto quatro horas por dia.

A alegação dada pelos donos do negócio cruel é que as pessoas “se afastam do stress cotidiano e têm a possibilidade de contatar diretamente com a natureza” quando alugam as vacas e trabalham com elas. Mas fica a questão: será que é ético experimentar esse bucolismo explorando animais, pagando por eles como se fossem máquinas produtoras de leite, como se fossem aparelhos cuja manutenção requerida é dar-lhes a falsa liberdade de estar num pasto durante um número limitado de horas por dia?

Com informações do Jornal de Notícias


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

RÚSSIA

FINAL FELIZ

CRUELDADE

CRISE ECONÔMICA

SINERGIA

MAUS-TRATOS

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>