Cavalo maltratado por carroceiro em Porto Alegre (RS) se recupera e é batizado de Jabulani


O cavalo que tombou, muito machucado, na tarde de quarta-feira (23) em Porto Alegre (RS), pois não tinha mais condições físicas de se levantar já “é outro animal”, segundo a médica veterinária Rocheli Oliveira. Ela atendeu e cuidou do cavalo, que chegou ao abrigo da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) com sinais de desnutrição, desidratação, dores musculares e articulares e vítima de ferimentos cruéis, infligidos pelo antigo tutor, um carroceiro que fugiu quando o cavalo começou a agonizar.

No abrigo, Jabulani já consegue se alimentar e levantar (Foto:Ronaldo Bernardi)
No abrigo, Jabulani já consegue se alimentar e levantar (Foto:Ronaldo Bernardi)

No abrigo, a equipe batizou o cavalo de Jabulani, uma referência à bola do Mundial.

— A bola é muito judiada, muito batida, então a gente colocou esse nome nele — explica o encarregado pelo recolhimento e guarda dos animais, Carlos Augusto Machado.

O abrigo da EPTC recebe, trata e recupera os animais encontrados nas ruas de Porto Alegre (SP). Atualmente, mais de 90 animais de grande porte são atendidos no local, que funciona no bairro Belém Novo.

Nesta quinta-feira (24), Jabulani conseguiu se alimentar e levantar sozinho graças aos cuidados da equipe do abrigo. A veterinária conta que, além dos machucados causados pelas encilhas, Jabulani apresentava dois ferimentos profundos causados por um objeto cortante:

— É crueldade mesmo.

Felizmente, para Jabulani, o prognóstico da veterinária é bastante positivo:

— Acredito que ele vai se reabilitar. Hoje ele é outro animal — comemora Rocheli.

Fonte: Zero Hora


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSERVAÇÃO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>