Humanos apodrecidos e cruéis

Astronauta chinês orgulha-se de consumir carne de cachorro durante missão no espaço

Yang Liwei, astronauta que comandou a missão Shenzou Cinco em 2003, revelou o cardápio da tripulação em sua autobiografia, Os Nove Níveis entre o Céu e a Terra. Ele fez...

164

13/05/2010 às 19:02
Por Redação

Foto: Divulgação

Yang Liwei, astronauta que comandou a missão Shenzou Cinco em 2003, revelou o cardápio da tripulação em sua autobiografia, Os Nove Níveis entre o Céu e a Terra.

Ele explicou que os amigos queriam saber o que os astronautas comiam (no espaço) e diziam “que a gente deve ter se alimentado de coisas caras, como barbatana de tubarão”. Liwei contou que, na verdade, os astronautas “se alimentaram de comida normal, e que ela não precisava ficar em segredo”.

O astronauta fez uma lista que incluía, entre outros pratos igualmente cruéis, carne de cachorro da cidade de Huajiang, muito famosa na China por seus benefícios nutricionais, revelou o jornal inglês Telegraph nesta quinta-feira (13).

Liwei explicou que a dieta foi criada “especialmente para astronautas por nutricionistas chineses e que a comida foi comprada de fornecedores especiais em Pequim”.

O cachorro é muito comido no norte da China, onde a carne do melhor amigo do homem é usada para combater o frio do inverno.

O cardápio foi usado no ano passado, quando os astronautas chineses fizeram sua primeira caminhada espacial. A China pretende fazer seu primeiro astronauta pisar na Lua até 2020.

A revelação causou uma reação raivosa pelos defensores dos animais, que disseram que Liwei estava dando mau exemplo aos seus milhões de fãs.

Astronautas americanos também comem uma alimentação variada, que inclui enchilladas (uma panqueca de milho mexicana), lasanha e carne de porco em suas missões espaciais.

A Nasa disse que a comida espacial tem de ser fácil de preparar e de comer e geralmente tem pouca gordura, pouca caloria e menos sal.

Com informações do R7

Nota da Redação: Como se já não bastassem os milhares de animais que sofrem às custas do sadismo e da insanidade humana de querer se alimentar de outros seres vivos, o cachorro também é uma espécie submetida a essa crueldade: ser torturado e morto para depois ser consumido por humanos apodrecidos. Explorar os animais para tais fins não deveria ser uma prática permitida. Os chineses que compactuam dessa sandice, desse massacre, dessa falta de vergonha e de dignidade, todos deveriam ser punidos como criminosos e assassinos que são.