Tartarugas são retiradas de lago artificial em Porto Alegre (RS)


Dez tartarugas foram retiradas do lago artificial do Parque Germânia na tarde desta quarta-feira (26). A ação foi da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMAM), que optou por transferir os animais porque o local não lhes era adequado.

Uma avaliação das condições de habitat das tartarugas realizada pela Equipe de Fauna Silvestre da SMAM e pela ONG Projeto Chelonia constatou a necessidade de retirada dos animais porque o lago não oferece condições de sobrevivência.

“O lago artificial não foi projetado para receber animais. No espaço, as tartarugas ficam todo o tempo dentro da água, sem possibilidade de tomar sol e sair para desova”, explica o secretário da SMAM, Professor Garcia.

Os animais que habitam o lago são de espécies nativas e exóticas, provenientes de abandono e grande parte foi adquirida ilegalmente.

” A SMAM ressalta a importância de nunca se adquirir animais silvestres”, destaca a bióloga Soraya Ribeiro, coordenadora da Equipe de Fauna.
 
As tartarugas resgatadas foram pesadas e medidas para controle da equipe. Restaram cinco animais no lago, que serão removidos posteriormente. O procedimento de remoção foi realizado com apoio da Coordenação de Operações Especiais da SMAM e os animais foram entregues ao Ibama, que os encaminhará para criatórios legalizados.

Os integrantes do Projeto Chelonia aproveitaram a ocasião para distribuir folhetos educativos.

Tartarugas não tinham condições de sobrevivência no lago do Parque Germânia (Foto: Sérgio Louruz / PMPA)
Tartarugas não tinham condições de sobrevivência no lago do Parque Germânia (Foto: Sérgio Louruz / PMPA)

Fonte: Zero Hora



Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>