Brigitte Bardot lamenta o desrespeito das celebridades que usam pele de animais em festival de Cannes


O Festival de Cannes foi aberto nesta quarta-feira (12), e o desfile das estrelas vestidas de seus mais suntuosos trajes começara. A oportunidade para Brigitte Bardot de denunciar o ditado da moda que não respeita o destino dos animais.

Logo na quarta-feira, a Fundação Brigitte Bardot denunciou o uso das peles por algumas celebridades. Um cartaz foi criado na ocasião do Festival de Cannes, no qual se lê: “O cinema há seu festival de Cannes, a moda há seu festival de c*nnes”

Em um comunicado, a fundação lamenta o fato que “glitter e  lantejoulas combinam ainda com crueldade e luxo inútil” e que as estrelas do cinema desempenham um verdadeiro papel de modelos em matéria de moda. A associação de defesa dos animais, criada por Brigitte Bardot, se indigna ao ver ainda hoje, “o uso da pele animal banalisada na tela e no tapete vermelho”, isso prova, segundo ela, de que se tornará normal achar pelagem de animais eletrocutados, asfixiados ou espancados até a morte em casacos, jaquetas, ou da guarnição.

No pôster publicado pela associação, uma estrela foi desenhada com uma mulher usando um longo vestido vermelho com uma raposa sobre os ombros, do vestido escorre o sangue. A Fundação Brigitte Bardot insiste ainda que as peles sintéticas agora são de qualidade igual ao “que rima com o sofrimento de milhões de animais todos os anos.”

Imagem: Reprodução/Jeanmarcmorandini


Fonte: News de Stars


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SUSTENTABILIDADE

NEGLIGÊNCIA

SOFRIMENTO

PORTO ALEGRE (RS)

INSENSIBILIDADE

GOIÂNIA (GO)

MÉXICO

ACIDENTE

AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>