Zoonose não oferece alternativa digna para pombos à procura de abrigo e alimentos


Até sexta-feira (14) as aulas na Escola Estadual Clorindo Burnier, em Juiz de Fora(MG), estarão suspensas por causa da presença de pombos. O local foi vedado por técnicos do Setor de Zoonoses da Secretaria de Saúde para que os animais deixem o espaço. Funcionários da escola afirmaram que o problema ocorre há cerca de três anos, sempre entre abril e maio, quando as aves se instalam em busca de comida e abrigo sob os forros.

A secretaria recomendou o fechamento da escola depois que várias crianças foram infectadas pelos piolhos das aves. Outras tiveram crises de rinite e bronquite por causa dos fungos que os pombos transportam. Uma empresa de controle de animais será contratada para resolver a situação.

Fonte: Portal Click

Nota da Redação: O fato ocorrido em Juiz de Fora reflete o crescimento desordenado das cidades, que destrói o habitat natural dos animais, fazendo com que a presença deles seja considerada um problema. Os pombos, sem comida ou abrigo adequados, recorrem às aglomerações humanas, e são injustamente apontados como culpados por uma situação causada única e exclusivamente por responsabilidade do ser humano. Se destruímos as condições de sobrevivência de determinada espécie animal, temos, no mínimo, o dever de lhes oferecer algo tão digno quanto o que a ganância humana lhes arrancou.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

VIDAS PERDIDAS

DEDICAÇÃO

SOFRIMENTO EMOCIONAL

DOÇURA

AÇÃO HUMANA

JAPÃO

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO SONORA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>