Papagaia morre nos Estados Unidos após lutar quase dois anos contra o câncer


A norte-americana Anne Lowery não mediu esforços para manter viva sua papagaia de estimação chamada Areba, que estava com câncer.

Após lutar 18 meses contra a doença, a ave morreu na última quarta-feira (17), aos 42 anos de idade, em Tampa, no estado da Flórida (EUA).

Anne Lowery com Areba (Foto: Barry Bland/Barcroft Media/Getty Images)
Anne Lowery com Areba (Foto: Barry Bland/Barcroft Media/Getty Images)

A ave foi diagnostica com a doença em outubro de 2008 e só teve uma sobrevida de quase dois anos graças ao empenho de Anne.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

COMPANHIA

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ

DOR E SOFRIMENTO

DESUMANIDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>