Acusações mentirosas

Vídeo mostra que baleeiros japoneses se feriram com o próprio spray de pimenta

Um vídeo divulgado pela Sea Shepherd Conservation Society desmente a alegação dos baleeiros japoneses de que três membros de sua tripulação foram feridos por ácido atirado pelos ativistas da Sea...

61

16/02/2010 às 06:00
Por Redação

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Raquel Soldera (da Redação)

Um vídeo divulgado pela Sea Shepherd Conservation Society desmente a alegação dos baleeiros japoneses de que três membros de sua tripulação foram feridos por ácido atirado pelos ativistas da Sea Shepherd.



Baleeiros japoneses foram feridos com o próprio spray de pimenta. (Imagem: Sea Shepherd/Ecorazzi)



Em 11 de fevereiro, após um confronto que durou mais de cinco horas, o Instituto de Pesquisa de Cetáceos afirmou que três membros da tripulação japonesa foram feridos com ácido nos olhos e no rosto.

Provando mais uma vez a vantagem de ter uma equipe de filmagem a bordo, a Sea Shepherd divulgou um vídeo que mostra que os três membros da tripulação japonesa foram atingidos pelo próprio spray de pimenta. “O vento não estava favorável à tática dos japoneses e o spray de pimenta voltou para o rosto dos três tripulantes, o que pode ser visto claramente no momento em que eles esfregam os olhos”, disse a Sea Shepherd.

httpv://www.youtube.com/watch?v=0U1rINRY_RQ&feature=player_embedded

Mesmo antes de divulgar as filmagens, o porta-voz da Sea Shepherd, Michael Dalton, já tinha dito que os ativistas em defesa das baleias atiraram inofensivas bombas de manteiga na embarcação japonesa, cujo ácido tem um pH menor do que o suco de limão.

“Se o Ministro da Pesca japonês, Hirotaka Akamatsu, tem algum senso de honra e dignidade, irá pedir desculpas pelas acusações mentirosas que o Instituto de Pesquisa de Cetáceos fez contra a Sea Shepherd”, disse o capitão e fundador da Sea Shepherd, Paul Watson.

Com informações de Ecorazzi

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.