Cobra que nasceu com pata é assassinada por chinesa


Foto: Reprodução/ Telegraph
Foto: Reprodução/ Telegraph

Dean Qiongxiu , uma chinesa de 66 anos, assassinou uma cobra encontrada em seu quarto, no meio da noite, agarrada à parede. Vítima de uma rara mutação, o réptil tinha uma pata completa, com quatro dedos.

Com 16cm de comprimento e espessura de um dedo mínimo, a cobra chama atenção pelo tipo de mutação – a mutação mais comum em cobra são duas cabeças. Ela foi levada para pesquisa à Universidade de Nanchang, na China, em uma garrafa de álcool.

Segundo o “Telegraph”, os peritos garantem que só poderão dar uma opinião sobre o motivo da transformação após realizar uma autópsia.

Com Informações do Clic RBS


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

COMPAIXÃO

VIOLÊNCIA

PESQUISA

APELO

RECOMEÇO

BARBÁRIE

SEGUNDA CHANCE

INSPIRAÇÃO

DESCARTE IRRESPONSÁVEL

BOA AÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>