Peles de raposas são apreendidas no Chile


Por Raquel Soldera (da Redação)

Duas pessoas foram presas pela venda de peles de raposas a turistas estrangeiros na Plaza de Armas de Puerto Varas, no Chile.

Segundo fontes da polícia, os detidos foram presos em flagrante por policiais civis ao tentar comercializar as peles, no valor de 40 mil pesos cada.

Um total de 20 peles de raposa foram apreendidas na operação, realizada nesta terça-feira (19).

A polícia apreendeu um total de 20 peles de raposa. (Foto: PrensAnimalista)
A polícia apreendeu um total de 20 peles de raposa. (Foto: PrensAnimalista)

Os detidos são acusados de infringir a Lei de Caça número 19.473, sobre espécies protegidas, além de responderem por crime ambiental.

Ainda segundo a polícia, as investigações visam combater uma rede de tráfico de animais que envolve a caça de mamíferos, a produção de artigos de peles e a venda desses itens.

Com informações de PrensAnimalista


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DESESPERO

CONSOLO

CALIFÓRNIA

ANGÚSTIA

COMPANHIA

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>