Sorveteria paulistana oferece sabores sem produtos de origem animal


A Soroko Sorvetes, localizada no centro de São Paulo, capital, produz sabores sem produtos de origem animal, para quem é vegan e escolhe não consumir nada derivado dos animais. O leite de soja substitui o utilizado normalmente nos sabores em que ele é necessário – como chocolate e café, por exemplo. Nos de fruta, a base utilizada é de água.

Produzidos artesanalmente em uma fábrica anexa à loja, os sorvetes passam por um importante critério de seleção: o paladar dos donos. “Nós trabalhamos com o paladar, no erro e no acerto. Fomos balanceando, testando, até que o leite de soja não ficasse forte no paladar”, conta Anatolie Soroko, dono do estabelecimento, que funciona há 15 anos na Rua Augusta, 305, bairro da Bela Vista.

Anatolie Soroko, dono do estabelecimento que tem sorvetes sem produtos de origem animal. (Foto: Juliana Cardilli/G1)
Anatolie Soroko, dono do estabelecimento que tem sorvetes sem produtos de origem animal. (Foto: Juliana Cardilli/G1)

A ideia surgiu da demanda de uma cliente habitual, que sempre pedia os sorvetes sem leite e dizia ser alérgica a lactose, há nove anos. “Um dia ela disse que não era alérgica, e sim vegan, e que a alergia foi uma forma que ela encontrou de descobrir a composição sem precisar se explicar muito”, conta Soroko.

“Ela então disse que queria um sorvete que tivesse leite, mas não de animal, e nos falou do leite de soja. Começamos, então, a fazer os testes e fabricar.”

Eliana Costa, cliente que bate ponto na sorveteria do Centro. (Foto: Juliana Cardilli/G1)
Eliana Costa, cliente que bate ponto na sorveteria do Centro. (Foto: Juliana Cardilli/G1)

Cliente quase diária da Soroko Sorvetes, Eliana Costa, de 45 anos, que trabalha em uma empresa de segurança, diz já ter provado de todos os sabores que já viu na sorveteria, e atesta a qualidades dos ditos “especiais”. “Eles são muito gostosos, é como se fosse um sorvete normal, não tem gosto de soja. Se não souber que tem, nem percebe”, afirmou.

Os sabores especiais sempre ficam em um freezer próprio. Entre eles, há sorvete de café, chocolate e de frutas como uva e jaca, sem lactose. Nos outros freezers, estão os tradicionais. No total, 400 sabores já criados na sorveteria se revezam nos 40 espaços disponibilizados. Hoje, Soroko acredita que um terço de seus clientes vai até o local em busca dos sorvetes sem origem animal. Por isso, ele é cuidadoso ao comprar produtos que entram na receita, e sempre checa sua composição.

Com informações do G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA

COMPAIXÃO

DESGOVERNO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>