Convênio viabiliza a esterilização cirúrgica de cadelas no RS


Começaram no início desta semana as esterilizações cirúrgicas de cadelas através do convênio firmado entre Prefeitura, Universidade Federal do Rio Grande (Furg) e Associação dos Médicos Veterinários do Rio Grande (Amverg). O convênio visa a esterilizar 80 cadelas por mês e tem uma vigência de seis meses, podendo ser prorrogado por igual período.

O convênio conta com a participação de 14 médicos veterinários, com a possibilidade de o número ser ampliado. A agenda de cirurgias já está montada até o final de outubro. Os animais castrados são registrados através da implantação de microchip. O valor deste dispositivo é de R$10 e é de responsabilidade do proprietário do animal. Conforme a diretora da Unidade de Zoonoses e Vetores da Secretaria Municipal da Saúde, Elisabeth Estima, a medida atingirá os bairros no entorno do Campus Carreiros da Furg, correspondendo às áreas 3 e 8, o que inclui os locais atendidos pela Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) Marluz: bairros Marluz, Vila Maria, Mate Amargo, Cibrazém e Leônidas.

Agentes comunitários de saúde já realizaram levantamento da população canina na área contemplada. As famílias residentes naquela região estão sendo convidadas a participar de palestras sobre posse responsável e obter informações sobre o projeto. Após assistirem à palestra, os interessados poderão cadastrar os animais para serem agendadas as cirurgias. No final do mês passado, foi realizada a primeira palestra que teve a participação de aproximadamente 50 pessoas. Já foram cadastradas e estão em fila de espera 74 cadelas. As palestras contam com a participação da médica veterinária da Furg, Alice Leite; do presidente da Amverg, o veterinário Sandro de Mattos, e da SMS, e da responsável técnica do Canil Municipal, a médica veterinária Roberta Miranda.

Ainda conforme Elisabeth, o convênio servirá como projeto piloto para a Prefeitura. Dessa maneira, a partir das análises dos resultados obtidos, ações semelhantes poderão ser estendidas a outras áreas e com outras parcerias. A medida contempla o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) acordado entre o Ministério Público e a Prefeitura em agosto último.

Adoção de cães

Além do convênio, a Vigilância Ambiental em Saúde da SMS está incentivando a adoção de cães albergados no Canil Municipal, no balneário Cassino. Está sendo disponibilizando o email adotenocanil@riogrande.rs.gov.br, no qual pessoas interessadas em adotar animais podem se inscrever. O contato pode ser feito também, pelo telefone 3236.2871 ou diretamente no local, situado na rua São Leopoldo, 628, de segunda a sexta-feira das 13h30min às 17h30min e aos sábados das 9h às 11h.

Fonte: Jornal Agora


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ACADEMIA ESPECISTA

SADISMO

DE OLHO NO PLANETA

ARTIGO

MAUS-TRATOS

TRAGÉDIA

RETROCESSO

SOFRIMENTO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>