Onça morre atropelada na BR-262


Foto: Divulgação PRF
Foto: Divulgação PRF

Na manhã de quarta-feira (30), por volta das 7 horas, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) localizou uma onça-parda jovem, já morta, às margens da BR-262, na altura do km 24. O animal apresentava ferimentos e outros sinais evidentes de que havia sido atropelado. Não houve registro de ocorrência de algum condutor que tivesse atropelado e assassinado o animal silvestre, comum naquela região, nas imediações do Distrito de Arapuá, segundo informou a nota da PRF.

O animal morto foi encaminhado ao quartel do Pelotão da Polícia Militar Ambiental (PMA), para as providências cabíveis.

Também chamada de suçuarana, puma, jaguaruma, a onça-parda atinge grande porte e é predadora de gado e outros animais da região do Arapuá.

Hábil predadora, usa a tática da emboscada para atacar ovelhas e cabras, bezerros e galinhas – que, aprisionados por criadores, não podem se defender. Perseguida por produtores rurais, a onça-parda está na lista dos animais em extinção.

Com Informações do Jornal do Povo


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL

INESPERADO

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>