Operação Cantoria

Polícia Federal desarticula quadrilha especializada em tráfico de animais no RS

Cinco pessoas foram presas na região metropolitana do Rio Grande do Sul – duas em Canoas e uma em Esteio – durante operação da Polícia Federal, em conjunto com o Ibama, que desarticulou nesta terça-feira quadrilha especializada em fraudar o sistema de controle de pássaros silvestres no Estado. Eles falsificavam as anilhas (anéis que identificam os animais) e traficavam animais silvestres.

O Ibama investigou o esquema durante três anos. Nos últimos três meses, junto com a PF, montou a operação Cantoria. A fraude servia para inscrever os pássaros em concursos de canto, onde animais com bom desempenho chegavam a valer até R$ 50 mil. Segundo a Polícia Federal, os pássaros silvestres têm o canto mais forte do que os de cativeiro. Os presos serão indiciados por falsificação de selo ou sinal público, formação de quadrilha, caça de animal silvestre e maus-tratos a animais.

Fonte: Diário de Canoas

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui