Animais carismáticos ou não

silvana
September 22, 2009

imagem de uma cena da animação Por água abaixo

Ontem eu assisti (com 3 anos de atraso) à animação Por Água Abaixo (Flushed Away, no original). É mais um filme do estúdio britânico Aardman, que já demonstrou sua “militância” pelo direito dos animais em Fuga das Galinhas (Chicken Run), de 2000. Muita gente deixou de comer frango depois de ver o filme.

Em Flushed Away, além da aventura, existe uma questão muito interessante: é possível simpatizar e torcer por ratos? É fácil amar ursos panda, gatinhos, tigres, leões charmosos, gorilas, águias, pinguins, golfinhos. Mas e ratos? E baratas? Pulgas, centopeias, escorpiões, aranhas, cobras, lagartixas, seres gosmentos e rastejantes?

Existe até um termo para esses animais que nos atraem – a “fauna carismática”. Quem não simpatiza com um coala agarrado a uma árvore? Mas quem quer fazer carinho numa minhoca esbranquiçada? Aqueles que se consideram defensores dos animais – eu inclusive – costumam se derreter com a imagem de um bezerrinho sendo levado ao matadouro. Mas não nos preocupamos muito com o ritmo alucinado de extinção dos batráquios. Afinal, eles são melequentos, cheios de verruga e até venenosos.

Isso aqui não é nenhuma crítica. Nem mesmo uma denúncia da nossa hipocrisia. Acho até biologicamente natural que mamíferos se identifiquem mais com outros mamíferos. Quero apenas levantar um objeto de reflexão a todos os que lutam pelos direitos dos animais. Quais os direitos de um mosquito? Ou de uma mosca-varejeira?

Felizmente existe essa magnífica diversidade humana. E muitos entre nós dedicam suas vidas a insetos e outros tipos de animais que não costumam nos provocar tanta simpatia e compaixão. Como humanos, somos responsáveis pelo destino de todos eles – carismáticos ou repugnantes.


Você viu?

Em busca de companhias,

Fonte: g1.globo.com Uma das

Pixabay Aproximadamente 50 ativistas

Grupo de guardas ambientais

Foto: Reprodução Youtube /

Reprodução/Instagram/@osindefesos Três cachorros tiveram

The Dodo Onyx e

Foto: Reprodução/GRAD A destruição

Foto: Pixabay A tradição

Notícias | Você é o repórter | Histórias felizes | De olho no planeta


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"cf6ff":{"name":"Main Color","parent":-1},"73c8d":{"name":"Dark Accent","parent":"cf6ff"}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default","value":{"colors":{"cf6ff":{"val":"rgb(243, 243, 243)","hsl":{"h":0,"s":0.01,"l":0.95}},"73c8d":{"val":"rgb(217, 216, 216)","hsl_parent_dependency":{"h":1,"l":0.85,"s":-0.05}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
OK
>