Animais silvestres e exóticos são apreendidos em residência


Graças a uma denúncia anônima – por meio do telefone -, policiais do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA) apreenderam na manhã desta quinta-feira (3),  dezenas de pássaros silvestres e animais exóticos, cuja comercialização é proibida e a criação só pode ocorrer com autorização do Ibama.

De acordo com o tenente Anderson Barros, a denúncia dava conta que a proprietária da residência – Ângela Maria de Souza Santos – manteria vários animais em condições inadequadas. Ao chegar ao local, os policiais apreenderam mais de 40 pássaros, alguns de espécies raras, além de jandaias e camaleões.

Ao constatar a presença dos policiais do BPA, a proprietária da residência alegou que já pretendia doar os animais, que foram encaminhados para a sede do IBAMA. Ainda segundo o tenente Anderson Barros, o Centro de Controle de Zoonoses também foi acionado, uma vez que na casa existem cerca de 20 cachorros e 15 gatos.

Segundo o BPA, os valores das multas para as pessoas que mantém irregulamente animais silvestres em casa variam de R$500,00 a R$ 5 mil, de acordo com a espécie, quantidade, condições dos animais conforme a Lei 9.605 (Lei dos Crimes Ambientais).

Fonte:  Alagoas 24horas


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

TRAGÉDIA

RETROCESSO

SOFRIMENTO

DIFICULDADES FINANCEIRAS

BELO HORIZONTE (MG)

COVARDIA

CRUELDADE

PROTEÇÃO ANIMAL

ALERTA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>