Eutanásia animal


Eutanásia vem do grego eu-thanasia, “morte feliz” ou “boa morte”. A palavra foi proposta por Francis Bacon, filósofo inglês, em 1623 em sua obra Historia vitae et mortis, como uma solução para as doenças incuráveis. O termo estendeu-se aos animais.

Eutanásia significa a morte deliberadamente causada a um animal que sofra de doença incurável ou muito penosa, para suprimir a agonia longa e dolorosa. A morte por eutanásia é considerada uma morte “não natural”.

O médico veterinário é o único profissional que pode, legalmente, executar um paciente que esteja em sofrimento terminal – e nunca um animal sadio. O veterinário pode indicar a eutanásia, e o guardião humano aceitará ou não. A decisão final é sempre do guardião, o qual deverá autorizá-la. O veterinário deve adotar método indolor (primeiramente anestesia – e depois injeção de cloreto de potássio).

O ato de eutanasiar um animal é um tema polêmico, pois mesmo para o veterinário é difícil quantificar o sofrimento suportável. E fica a indagação: será que o animal em sofrimento preferiria a morte? Esta é uma decisão humana em relação à morte do animal.

Há muitos argumentos éticos, morais, religiosos, legais etc., pró e contra a eutanásia animal.

Por enquanto, o guardião humano e o veterinário só podem supor o que esteja sentindo um animal – o quanto de dor e desconforto que já não seja possível ser suportado pelo bicho.

Já que é assim, por que a eutanásia humana não é permitida legalmente?


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

TRAGÉDIA

RETROCESSO

SOFRIMENTO

DIFICULDADES FINANCEIRAS

BELO HORIZONTE (MG)

COVARDIA

CRUELDADE

PROTEÇÃO ANIMAL

ALERTA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>