Alimentação

Vegetarianismo combate problemas crônicos

02124623200

Se bem planejadas, tanto dietas vegetarianas quanto veganas são nutricionalmente adequadas e fazem a diferença na prevenção e no tratamento de doenças como diabetes, câncer, obesidade e alterações cardíacas em todos os estágios da vida. É o defende a American Dietetic Association, a maior associação de profissionais de alimentação e nutrição do mundo.

O vegetarianismo pode garantir baixos índices de colesterol, diminuição dos riscos de problemas cardíacos – especificamente da cardiopatia isquêmica – e melhora na pressão sanguínea. A explicação para todas estas vantagens, de acordo com a instituição, é simples. “Dietas vegetarianas tendem a ter baixas quantidades de gorduras saturadas e colesterol e altos níveis de fibra alimentar, magnésio, potássio, vitaminas C e E, folato, carotenoides, flavonoides e outros fitoquímicos”. Essas substâncias tornam o organismo menos propenso a problemas.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

O termo, publicado no Journal of the American Dietetic Association, ainda cita os nutrientes que são obrigatórios para quem adota uma dieta sem itens de origem animal. Entre eles estão o ferro e os minerais, encontrados em cereais como o feijão e folhas verde escuras.

Antes de adotar uma alimentação vegetariana, consulte um especialista. As necessidades nutricionais se alteram em cada fase da vida, e só ele conseguirá indicar a melhor dieta para você e sua família.

Fonte: Crescer

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui