Moradores de Porto Alegre (RS) denunciam extermínio de gatos em rua da capital


A morte de gatos na Rua Engenheiro Antonio Carlos Tibiriçá, no bairro Jardim Botânico, em Porto Alegre, já virou motivo de preocupação para moradores, que acreditam estar havendo um extermínio.

Os gatos aparecem envenenados na rua ou nos pátios das casas. O problema alcançou tal envergadura que foram espalhados cartazes com alerta aos moradores que têm animais de estimação e ameaçando o “assassino” com um alerta à polícia.

A mortandade dos felinos traz à tona um drama do passado na rua. Conforme o comerciário João Carlos da Silva, 28 anos, há cerca de 10 anos houve uma onda de morticínio de bichos ainda pior do que esta.

— Se tinha cem gatos (na rua), mataram 80. Tudo envenenado — contou.

Um funcionário da prefeitura de 55 anos relatou que havia entre oito ou nove gatos e igual número de cachorros em uma área verde no qual trabalha. Um dos gatos foi encontrado morto há 15 dias sem qualquer sinal de ferimento. Um segundo desapareceu. O servidor trabalha há 27 anos no local e tem ido aos domingos levar comida, quando aproveita para dar uma monitorada na situação.

— Dizem que estão botando veneno na rua. Ainda bem que os bichos daqui quase não saem do pátio.
Fonte: Zero Hora


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS

VIDA NOVA

AÇÃO SOCIAL

AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>