Gato-do-mato aparece no quintal de casa no Sul de Minas


Duas mulheres tiveram uma surpresa na manhã desta quarta-feira ao encontrar um gato-do-mato em cima de uma árvore no quintal da casa onde moram, em Serrania, no Sul de Minas. Eram 9 horas da manhã quando uma senhora e a filha dela perceberam a presença do animal. A princípio, elas pensaram que se tratava de um outro felino, a jaguatirica. Assustadas, mãe e filha acionaram a PM para fazer o resgate.

O sargento Luiz Paulo Barros, da 18ª Cia independente da PM, conta que os militares tiveram dificuldades para capturar o animal, que estava bastante arisco. “Tivemos que usar uma rede e cordas. O felino, mesmo sendo de pequneo porte, é muito bravo e quando acuado fica muito agressivo”, afirmou.

Para o sargento, o animal deve ter saído da mata em busca de alimento. “Com a crescente expansão das lavouras e das áreas de pastagem, em conseqüência o desmatamento de áreas preservadas, há uma tendência de animais selvagens do cerrado brasileiro aparecerem nas áreas urbanas. Por falta de comida e outros motivos, os animais muitas vezes pregam um susto nas pessoas muitas vezes em sua própria casa”, disse.

O gato-do-mato, cujo sexo não foi informado, foi levado para o zoológico de Alfenas, cidade a 18 quilômetros de Serrania. Ele será examinado por uma veterinária nesta tarde. Aparentemente, o gato-do-mato está sem ferimentos e com boa saúde. Ele deve ser solto nas matas da região no fim do dia.

Raposa

Nesta mesma manhã, na cidade de Alfenas, uma raposa foi encontrada em uma praça da cidade do Sul de Minas. O animal foi encaminhado para o zoológico, onde será avaliado.

 Fonte: UAI


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PROTEÇÃO ANIMAL

CRUELDADE

GRATIDÃO

ESPECIAL

ALEGRIA

VÍTIMAS DA CAÇA

MAUS-TRATOS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>