ÚLTIMAS NOTÍCIAS:
  • Compartilhe

Texto

Final feliz

Após se perder, gato viaja mais de 3 mil km para reencontrar tutores refugiados

19 de fevereiro de 2016 às 20:00

(Foto: Tariq Alisubh/NRK)

(Foto: Tariq Alisubh/NRK)

Um gato que ficou para trás enquanto sua família cruzava o Mediterrâneo para chegar à ilha de Lesbos (Grécia), rumo a uma vida melhor na Europa diante dos conflitos no Iraque, finalmente reencontrou seus tutores.

Meses atrás, Kunkush foi encontrado por voluntários, após se assustar e correr para longe do barco onde sua família estava. Eles se lembraram que uma família havia perdido um gato doméstico, relacionaram os fatos e decidiram fazer algo para reunir a família e o animal.

“Na época, a família contou aos voluntários o que havia acontecido e muitos ajudaram na procura pelo gato branco de olhos amarelos”, conta a voluntária Michelle Nhin em entrevista à ABC News.

Mesmo sem Kunkush, a família seguiu a viagem rumo à Noruega. Assim, os voluntários se dedicaram a cuidar do bichano, que passou a ser chamado de Dias.

O gato perdido em Lesbos (Foto: Reprodução/Twitter)

O gato perdido em Lesbos (Foto: Reprodução/Twitter)

Os voluntários divulgaram a história nas redes sociais e fizeram uma campanha para bancar os custos de um eventual reencontro. Enquanto isso, o bichano foi levado para a Alemanha para ficar temporariamente com uma família e receber cuidados médicos. Eles localizaram a família e fizeram uma videoconferência via Skype para confirmar tudo.

Com o dinheiro da campanha, ontem (18) o animal finalmente viajou mais de 3 mil km para reencontrar a família na Noruega. Em entrevista à emissora NRK, a iraquiana Suva Al Alaf descreveu o momento com um milagre. “Eu pensei que ele tivesse morrido de frio na ilha de Lesbos”, declarou ela ao reencontrar o animal. “Este é um momento indescritível – um milagre”.

Em outubro de 2015, Suva e os filhos abandonaram tudo na cidade de Mossul (Iraque), território dominado por militantes do Estado Islâmico. Com o gato em uma cesta, eles caminharam por três dias e, depois de utilizar trem, ônibus e um bote, alcançaram a ilha de Lesbos, onde perderam-se do animal de estimação.

Fonte: Rede TV

  • Compartilhe

  • Imprimir Imprimir
  • Comunicar Erro

Enviar para um amigo
Comunicar erro

eu apoio a anda

Yossefe

ceu limpo

Todo trabalho que eleva o padrão vibratório e através da perseverança, da fé e boa vontade é merecedor do respaldo do ma

Yossefe
Pelo médium irmão Gilberto

Pelo médium irmão Gilberto

Giovanna Ewbank

giovanna_ewbank

Os animais são os seres mais puros que existem, eles não podem falar, mas seu olhar já nos diz tudo! Quem dera se todos

Giovanna Ewbank
Atriz

Atriz

Veja todos os depoimentos »

Facebook
Você é o repórter
Siga a ANDA: