ÚLTIMAS NOTÍCIAS:
  • Compartilhe

Texto

Rio de janeiro

Cão adotado por PMs da Cidade de Deus é baleado e está internado

15 de janeiro de 2016 às 13:00

 Maré Zero acompanha os PMs em incursões e revistas a suspeitos na Cidade de Deus Foto: Divulgação

Maré Zero acompanha os PMs em incursões e revistas a suspeitos na Cidade de Deus
Foto: Divulgação

Policiais militares estão acostumados a ver colegas de farda serem feridos em combate e lutarem para sobreviver. Ossos do ofício. Contudo, nesta quinta-feira, a situação de ver um companheiro ferido foi especialmente comovente para os PMs da Unidade de Polícia Pacificadora da Cidade de Deus.

O ferido não tem patente ou função definida, mas participa de incursões na comunidade e revistas a suspeitos. Seu nome de guerra: “Maré Zero”, código usado pelos PMs em ação para entrar em contato por rádio ou celular com o Quartel General da corporação. Ele foi baleado no peito durante uma incursão dos PMs na localidade do Caratê, passou por cirurgia e está internado.

Maré Zero é um SRD da Cidade de Deus que adotou os policiais como tutorees e passou a acompanhá-los em suas atividades. Foi ferido em confronto entre PMs e bandidos. Não se sabe se foi uma bala perdida ou se os bandidos tentaram matar o cachorro que ousou se tornar um aspirante a cão policial. Pelo que se conhece da índole dos bandidos do Rio, não é improvável que Maré Zero tenha sido vítima de uma covardia incapaz de perdoar nem mesmo o melhor amigo do homem — justo aquele cujo amor não faz distinção entre quem está dentro ou à margem da lei.

Solidários, os policiais se cotizaram para pagar o tratamento de Maré Zero. Ele foi submetido a uma cirurgia para retirada do projétil. Segundo policiais da UPP, ele “está fraco, mas lutando para sobreviver”.

Fonte: O Dia

  • Compartilhe

  • Imprimir Imprimir
  • Comunicar Erro

Enviar para um amigo
Comunicar erro

eu apoio a anda

Julia Bobrow

julia bobrow

Sou como qualquer um que ama os animais, que os tem por perto e que devota boa parte do seu tempo a eles. Por isso, apói

Julia Bobrow
Atriz

Atriz

Edgard Scandurra

edgard

Eu acho que uma iniciativa como a ANDA é muito importante. Entre tantas coisas por trazer para sociedade as informações

Edgard Scandurra
Músico

Músico

Veja todos os depoimentos »

Facebook
Você é o repórter
Siga a ANDA: