ÚLTIMAS NOTÍCIAS:
  • Compartilhe

Texto

Aos domingos, das 11h às 15h

Feiras de adoção de cães e gatos são realizadas no Brique da Redenção, em Porto Alegre (RS)

07 de maio de 2013 às 12:00

Cães e gatos que participam da feira têm, no máximo, três meses de vida. (Foto: Guerreiro/Divulgação PMPA)

Cães e gatos que participam da feira têm, no máximo, três meses de vida. (Foto: Guerreiro/Divulgação PMPA)

Com o propósito de proporcionar um lar digno a cães e gatos suscetíveis ao abandono e, ao mesmo tempo, controlar a reprodução deles, a Secretaria Especial dos Direitos Animais (Seda) está realizando feiras de adoções aos domingos, das 11h às 15h, no Brique da Redenção.

Os tutores fazem uma solicitação de participação nos eventos através do telefone 156, da Prefeitura de Porto Alegre e, imediatamente, a Seda entra em contato para avaliação dos animais. Conforme Mégui Trois, gerente de Adoções e Feiras da Secretaria, antes da exposição, os filhotes passam por uma análise clínica criteriosa: “Após o cadastro feito pelo telefone 156, entramos em contato para agendar uma consulta na Área de Medicina Veterinária (AMV) e aplicamos vermífugo e vacina. Após sete dias, os filhotes retornam para uma reavaliação e, na semana seguinte, estão aptos para adoção”, esclarece Mégui.

Para participar das feiras de adoção, os cães e gatos devem ter, no máximo, três meses de vida e são adotados com a data de esterilização agendada na AMV. Além dos filhotes, o procedimento cirúrgico é, obrigatoriamente, agendado também para a mãe deles. “Os tutores querem colocar os filhotes para adoção, mas relutam em esterilizar a mãezinha. O trabalho de conscientização é muito mais difícil do que o de esterilização, pois precisa de muito diálogo para convencer as pessoas dos riscos de um animal em condições de vulnerabilidade”, diz a secretária da Seda, Regina Becker.

Fonte: Prefeitura de Porto Alegre

  • Compartilhe

  • Imprimir Imprimir
  • Comunicar Erro

Enviar para um amigo
Comunicar erro

eu apoio a anda

Marcelo Medici

Marcelo Medici (Foto: Divulgação)

Meu amor pelos animais é atávico, me foi passado pela minha mãe. A ANDA contribui para que esse amor seja passado a todo

Marcelo Medici
Ator

Ator

Gabriela Duarte

GabrielaDuarte

É uma causa que eu acredito e apoio totalmente. Às vezes, as pessoas não sabem o que fazer, como transformar a boa vonta

Gabriela Duarte
Atriz

Atriz

Veja todos os depoimentos »

Facebook
Você é o repórter
Siga a ANDA: