ÚLTIMAS NOTÍCIAS:
  • Compartilhe

Texto

Lembranças e saudades

Cemitério de animais espera público 5 vezes maior durante feriado

02 de novembro de 2010 às 14:41

Foto: Reprodução/EPTV

Além de visitar os tradicionais cemitérios de Campinas (SP), como o da Saudade e o Flamboyant, muitos moradores se programam para outro compromisso no feriado de Finados, nesta terça-feira (2): visitar os animais de estimação sepultados no Cemitério de Animais São Francisco de Assis.

Segundo o tutor do Cemitério dos Animais da cidade, Carlos Megda, pelo menos dez pessoas visitam os jazigos todos os dias, mas a expectativa é que somente no feriado prolongado de Finados, 200 pessoas compareçam ao local.

O publicitário aposentado João Baptista de Assumpção tem dois cachorros sepultados no cemitério, um da raça boxer, que se chamava Bob, e o poodle Tiago. Ele vai ao cemitério pelo menos duas vezes por mês. Há oito anos faz as visitas aos jazigos nos feriados de Finados.

Este ano, não será diferente. A lembrança dos animais emociona o aposentado até hoje. “Eles eram como filhos para mim e achei que mereciam ser enterrados em um lugar bonito que pudesse visitá-los sempre”, conta João Baptista.

O Cemitério dos Animais São Francisco de Assis tem 900 túmulos e cem gavetas. Pode ser sepultada qualquer espécie de animal de pequeno porte, como cães, gatos, aves, répteis e roedores. Em média, um jazigo custa R$ 350, com caixão.

A ideia de abrir um cemitério para animais em Campinas partiu de uma experiência do próprio tutor, que perdeu três cachorros na mesma época e não tinha um local para enterrá-los. “Percebi que a cidade precisava de um espaço como este e que teríamos demanda. Depois de assistir a uma reportagem sobre o assunto na França, decidi investir”, explica Carlos Megda. Isso foi há 14 anos. A partir de novembro, o cemitério vai oferecer serviço de cremação.

O horário de visitação no Cemitério de Animais São Francisco de Assis (Rua Vanucci, 1600, Jardim Santa Cândida, Campinas) durante o feriado prolongado de Finados será das 8h às 18h. Mais informações pelo telefone (19) 3296-0313 ou pelo site.

Cemitério de animais no Rio também recebe visitantes

Foto: André Muzell / R7

O cemitério de animais em São Cristóvão, zona norte do Rio de Janeiro, também recebeu visitantes nesta terça-feira (2), dia de Finados.

Ele dispõe de 3.292 sepulturas pequenas para gatos e cães com até 20kg, e 344 sepulturas grandes, para cães acima de 20kg. A unidade não tem velórios ou capelas, mas a direção não se opõe a quaisquer tipos de celebração religiosa durante o sepultamento de um animal, de acordo com o credo de seu tutor.

Não são necessários caixões (ou caixas), mas se o tutor do animal desejar, pode trazer a ornamentação da sepultura. Todas as sepulturas são identificadas por números sequenciais dentro de uma determinada ala.

O serviço de sepultamento é feito mediante contrato de cessão de sepultura por dois anos, renovável por mais um ano mediante pagamento adicional. Ao final do contrato, os ossos são exumados e podem ser levados pelo tutor para enterro em propriedade particular ou para cremação.

Com informações do R7 e EPTV

  • Compartilhe

  • Imprimir Imprimir
  • Comunicar Erro

Enviar para um amigo
Comunicar erro

eu apoio a anda

Julia Bobrow

julia bobrow

Sou como qualquer um que ama os animais, que os tem por perto e que devota boa parte do seu tempo a eles. Por isso, apói

Julia Bobrow
Atriz

Atriz

Janine Borba

Janine Borba

Dizem que quem não gosta de samba bom sujeito não é, pois eu acho que quem não gosta de bichos bom sujeito não é! Eu que

Janine Borba
Jornalista e apresentadora

Jornalista e apresentadora

Veja todos os depoimentos »

Facebook
Você é o repórter
Siga a ANDA: